IFRAME Embed for Youtube
IFRAME Embed for Youtube

 

Fonte: Youtube

 

 

Por baixo da abaia

Jovem é presa na Arábia Saudita por aparecer com roupa curta, mas sua liberação rápida não significa que o país avance rápido no direito das mulheres

ASSIM NÃO – Saudita diz que não autorizou a divulgação de vídeo “obsceno” (//Divulgação)

A prisão de uma jovem saudita nesta terça-feira reacendeu a discussão em torno do código de vestimenta imposto às mulheres na Arábia Saudita. A mulher, identificada somente como Khulood, foi detida por aparecer usando uma saia acima do joelho e uma blusa curta em vídeos exibidos em uma rede social.

No país, é proibido que as mulheres locais saiam em público sem uma vestimenta longa que cubra seu corpo inteiro, conhecida como abaia, e sem cobrirem a cabeça.  A jovem em questão foi libertada após um interrogatório de algumas horas. Khulood afirma que os vídeos foram postados sem seu conhecimento.

A edição de VEJA desta semana mostra como a história ilustra a pressão que a sociedade civil tem feito no país para dar mais liberdade às mulheres.

Em anos recentes, outras mulheres já foram presas por desobedecerem a lei do país, que é bastante restritiva com relação aos direitos femininos. Um dos casos mais notórios é o da autora Manal al-Sharif, que teve de deixar a Arábia Saudita após enfrentar a proibição de dirigir. “Eles querem que você viva com medo” , diz Manal.

Fonte: Veja